Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Programa de prevenção à violência que já formou mais de 2 mil jovens é destaque no Prêmio Innovare

Publicação:

Formatura do POD no CJ da Restinga
Formatura do POD no CJ da Restinga - Foto: Mauricio Tonetto/ASCOM
Por Maurício Tonetto/ASCOM

O Programa de Oportunidades e Direitos (POD), uma política pública pioneira mantida pelo Governo do Rio Grande do Sul em parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), foi selecionado para disputar a 16ª edição do Prêmio Innovare. Ao todo, são 617 práticas concorrentes.

Nesta quarta-feira (5), consultores do Innovare, advogados com grande conhecimento sobre o sistema de justiça brasileiro, visitam o Centro da Juventude (CJ) da Lomba do Pinheiro, um dos principais locais de atuação do POD no Estado. O objetivo é avaliar o alcance de cada trabalho selecionado em todo o país.

O POD destaca-se como uma política eficaz, que oferece mais qualidade de vida aos jovens beneficiados e garante dignidade e desenvolvimento para muitas famílias. Atualmente, são seis Centros da Juventude para atender 3,6 mil jovens entre 15 e 24 anos: Lomba do Pinheiro, Cruzeiro, Restinga, Rubem Berta, Alvorada e Viamão.

“É uma ferramenta importantíssima para o eixo social do nosso governo e um instrumento excelente para romper o ciclo da violência e da criminalidade. Nas formaturas e atividades que presencio, é visível a mudança que o POD tem causado nas vidas dos jovens e das famílias” - Secretário de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, Catarina Paladini.

Os investimentos abrangem as áreas de educação, esporte, cultura, empreendedorismo, segurança pública e atendimento socioeducativo. Nas comunidades que fazem parte do programa, a implantação do policiamento comunitário promove a aproximação dos policiais com moradores, dando mais segurança aos espaços de convivência.

São 56 milhões de dólares investidos. Cada CJ terá um prédio próprio, de quatro andares, com área de 1.400 m², com salas de aula, auditório, cozinha para cursos de gastronomia, salões de beleza para cursos profissionalizantes, estúdio de música e/ou rádio, academia, laboratório de informática, biblioteca e lanchonete.

Formatura do CJ da Restinga
Formatura do CJ da Restinga - Foto: Mauricio Tonetto/ASCOM

Confira alguns resultados do POD:

- Mais de 7 mil jovens atendidos em um ano e meio

- 2.400 jovens concluíram cursos profissionalizantes

- Mais de mil jovens fizeram cursos rápidos de qualificação

- Mais de 700 jovens empregados com carteira assinada encaminhados por meio de parcerias

- Mais de 30 cursos profissionalizantes e 50 oficinas de esportes, arte e cultura

- Obras dos novos prédios de 5 Centros da Juventude em andamento (entrega em 2019)

- Bases móveis de policiamento comunitário funcionando nos 6 territórios

- Sede do 18º Batalhão da Brigada Militar (Viamão) entregue

- Reforma do 20º Batalhão da BM (Rubem Berta) entregue

- 6 vans e 12 motos para o policiamento comunitário entregues

- Mais de 2 mil policiais e agentes da FASE qualificados

- 30 novas vagas na FASE já entregues

- Implantação do videomonitoramento em todas as unidades e redução de 20% nas ocorrências internas

- Jovens atendidos pelo POD na FASE apresentam índice de reincidência de 10%, enquanto no sistema penitenciário adulto esse número é de 70%, segundo dados do Juizado da Infância e Juventude.

SJCDH - Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos